Fale com o Presidente Miguel Torres
11 3388.1073 Central de Atendimento 11 3388.1073
1
Radio Peao Brasil Luta Sindical

Força SP debate campanhas salariais em plenária estadual em Campinas

Presidente Miguel Torres, na abertura do evento, defende unidade do movimento sindical nas campanhas salariais e em todas as lutas

No salão vermelho da Prefeitura de Campinas foi realizado nesta terça, 19, a abertura da Plenária Estadual da Força Sindical SP. O tema principal do encontro, organizado pelo Sindicato dos Trabalhadores das Empresas de Refeições Coletivas, é a mobilização das categorias representadas pelas entidades filiadas nas campanhas salariais de 2018.

Participaram da abertura os presidentes da Força Sindical Nacional, Miguel Torres, e da Força Sindical SP, Danilo Pereira, os diretores do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo Carlão (secretário-geral da Força SP), Rodrigo de Morais, Adriano, José Silva, Xepa, Alemão, Ortiz, Ester, Alsira e Pereira, os dirigentes estaduais Carlão (Alimentação) e Paçoca (Alimentação) e os dirigentes nacionais da Força Eunice Cabral (Vestuário), Serginho (Químicos) e Geraldino (Metalúrgicos).

Em sua mensagem, Miguel Torres, também presidente da CNTM e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, criticou o congelamento de investimentos sociais feito pelo governo Temer e os ataques ao movimento sindical e aos direitos da classe trabalhadora.

“Temos em mãos a unidade, as lutas de resistência, o movimento Brasil Metalúrgico a agenda da classe trabalhadora das centrais sindicais para enfrentar este período difícil e recuperar os direitos dos trabalhadores, os empregos e a soberania nacional”, diz Miguel Torres.

Segundo ele, as plenárias da Força são uma “ferramenta importante para fortalecer as campanhas salariais, nas negociações, assembleias e mobilizações nas portas das empresas, e debater a unificação das datas-bases como mais uma arma de enfrentamento à lei da reforma trabalhista”.

Miguel Torres defendeu também o voto nas eleições deste ano em candidatos comprometidos com a pauta da classe trabalhadora e campanhas contra a reeleição de quem votou a favor da terceirização e da reforma trabalhista.

Diretores Carlão, Rodrigo, Adriano Lateri, Xepa, Ortiz, José Silva, Alsira, Ester, Alemão acompanham a plenária

Danilo Pereira, presidente da Força Estadual