Fale com o Presidente Miguel Torres
11 3388.1073 Central de Atendimento 11 3388.1073
Radio Peao Brasil Luta Sindical

Miguel Torres, presidente da Força Sindical, participa em São Paulo dos atos da greve geral desta sexta, 14 de junho

Em frente à Fame

O presidente da Força Sindical, Miguel Torres, esteve presente na greve geral desta sexta, 14 de junho, nas manifestações de São Paulo.

Percorreu desde às 4h garagens de ônibus e metalúrgicas, com o deputado federal Paulinho da Força e outros dirigentes sindicais, e participou às 11h, juntamente com presidentes de outras centrais sindicais, em frente à Superintendência do INSS, rua Santa Ifigênia, 266, do primeiro balanço da greve geral.

As manifestações alcançaram todas as regiões do País, de inúmeras cidades, das mais variadas categorias, em repúdio às mudanças que o governo apresentou ao Congresso Nacional para praticamente destruir a Previdência Social.

“A reforma da Previdência do governo não combate as desigualdades nem os privilégios e prejudica os mais pobres. O governo quer que os brasileiros contribuam mais e recebam benefícios menores. É inaceitável esta injustiça”, diz Miguel Torres, que também preside o Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes e a Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos.

Os protestos também foram contra o desemprego e os ataques ao setor da Educação.